<$BlogRSDUrl$>

quarta-feira, janeiro 31, 2007

2363 - dos amigos e coisas assim 

quando conheci a Maria, ela tinha os seus amigos e eu os meus.
em pouco tempo eu conheci os dela e vice-versa.
como é natural, nem de todos os meus amigos, a Maria se tornou amiga e vice-versa.
(a amizade é uma coisa que não se pega, não se contagia. senão, éramos amigas de todas as nossas amigas e isso não acontece. não raras vezes damos por nós a pensar, como é que aquela nossa amiga, de quem gostamos tanto e com quem partilhamos tanta afinidade, pode ser amiga daquela outra que detestamos e nem queremos nem chegar perto.)
se há coisa, pela qual tenho o maior respeito, é pelo passado das outras pessoas. acho incrível quando alguém aparece na vida do outro e quer acabar com todos os laços que até então existiam na vida da pessoa. eu jamais deixaria que me fizessem isso!
e pelo respeito que tenho, não me meto nas relações que passaram, seja elas de amizade ou outras, e não tomo as dores da Maria ou dos outros. tenho a minha opinião sobre as coisas, mas ela não passa disso mesmo: uma opiniãozita.
o inverso também acontece. as minhas "guerras" com os meus, sou eu que as resolvo e a Maria não toma nem partido.
 
por isso, se por acaso vindes aqui à procura de palavras que vos sejam dirigidas, para reforçarem ainda mais a cadeia de tricas, xô!, andor!, que aqui não há nada que vos interesse.

|
Comments: Publicar um comentário

This page is powered by Blogger. Isn't yours?