<$BlogRSDUrl$>

terça-feira, dezembro 05, 2006

2259 - esquisitices pela manhã 

quem me conhece pessoalmente sabe que sou uma pessoa de afectos tácteis. adoro tocar nas pessoas. se houver alguém a quem não o faça, é seguramente alguém de quem não gosto, mesmo!!!
mas detesto que desconhecidos me toquem. detesto aquela sensação de ter umas manápulas desconhecidas em cima de mim. não sei porque raio é que as pessoas precisam de tocar nos outros, para passarem por eles.
hoje, logo pela manhãzinha, tive essa experiência fantástica, duas vezes!!!
a primeira, mal acabei de marcar a consulta. cruzei-me com um tipo que, suponho, ía distraído e espeta-me a mão na perna direita, mesmo junto à dita cuja! olhei para ele com cara de quem acordou às sete da manhã, estava esgalgada com fome e detesta que lhe toquem. o homenzito pediu-me desculpa, e eu continuei. achei que o gajo, ainda que de forma não deliberada, tinha muita pontaria, mas eu não podia afirmar com certeza que o tinha feito de propósito.
logo de seguida, no corredor que leva à porta de saída, um homem que vinha a olhar para trás, quase que me deita ao chão. pediu-me desculpa e tal, tudo muito bem, mas espeta-me a mão bem aberta nas costas, como se entre nós houvesse grande intimidade. eu respondi-lhe que estava tudo bem, mas não era preciso pôr-me a mão nas costas. e o gajo diz-me que eu ainda por cima era mal educada. ainda por cima de quê?? e eu respondi-lhe que para se desculpar não precisava de me tocar.
saí disparada, e logo de seguida tive um ataque de ranho, que elas cá se fazem, cá se pagam! :)

|
Comments: Enviar um comentário

This page is powered by Blogger. Isn't yours?